Coronavírus: Rússia aprova primeiro medicamento para venda em farmácias

18 de setembro de 2020 | _

Nesta sexta (18) a Rússia aprovou o tratamento Coronavir, da farmacêutica R-Pharm, para cuidados de pacientes ambulatoriais com infecções leves e moderadas pelo novo coronavírus. O medicamento, um antiviral, poderá começar a ser vendido no país já na próxima semana, sendo necessário apenas uma receita médica.

O medicamento, segundo a farmacêutica, é baseado na substância favipiravir, desenvolvida no Japão e muito utilizada como base para tratamentos virais. O país já está exportando os testes para detecção da covid-19 e fechou parcerias internacionais para o fornecimento da vacina Sputnik-V.

O tratamento com Coronavir foi aprovado após os ensaios clínicos de Fase 3 com 168 pacientes infectados e o teste, para a comunidade científica, é pequeno. A farmacêutica já iniciou as negociações com as farmácias e a previsão é de que o medicamento seja fornecido já na próxima semana.

Jornal de Brasília