TJ do Rio expede mandados de prisão preventiva para Queiroz e a mulher

14 de agosto de 2020 | _
Usando uma máscara preta, Fabrício Queiroz é visto dentro de um carro do TJ-RJ ao deixar o condomínio onde mora no RJ - Wilton Junior/Estadão Conteúdo

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) determinou hoje à noite a expedição dos mandados de prisão preventiva para Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), e para a sua mulher, Márcia Oliveira de Aguiar. 

"O Tribunal de Justiça do Rio determinou nesta sexta (14) a expedição dos mandados de prisão preventiva para Fabrício Queiroz e sua mulher, Márcia Oliveira de Aguiar, em cumprimento à ordem do Superior Tribunal de Justiça, que na quinta-feira revogou a prisão domiciliar do casal. De acordo com despacho do desembargador Milton Fernandes, relator do processo no Órgão Especial do TJ do Rio, o ex-assessor de Flávio Bolsonaro na Alerj não pode ser levado para o Batalhão Especial Prisional", diz a nota