Macau: prefeito Tulio Lemos reduz seu salário, cancela e suspende contratos devido ao coronavírus

8 de maio de 2020 | _
O prefeito de Macau,Tulio Lemos, acerta na atitude de cortar na própria carne e toma como medidas de combate ao coronavírus a redução de seu próprio salário, do vice-prefeito e de secretários em 10% e demais auxiliares que não esteja em linha de frente ao enfrentamento ao covid-19. Tulio Lemos  autorizou a Procuradoria Geral do Município, publique os Decretos com as medidas.

De acordo com a gestão, as medidas adotadas se estenderão inicialmente 2º o prefeito, durante os meses de maio, junho e julho e vão gerar economia que serão investidos no combate ao coronavírus.

O gestor também tomou outras medidas, entre elas, o corte momentâneo dos contratos dos profissionais regularizados através de processo seletivo e também o contrato de locação do Transporte Escolar. Ambos estão sem atividade nesse momento.

O pagamento de gratificações e horas extras já estavam suspensas e as exceções também ficarão para servidores (efetivos ou contratados) que estiverem trabalhando em setores envolvidos no combate ao Novo Coronavírus.