Bolsonaro: pobre é chamado de "minoria barulhenta" e leva calote em Auxílio Emergencial

8 de maio de 2020 | _
Em mais uma de suas lives Jair Bolsonaro chamou de ’minoria barulhenta’ os milhões de brasileiros que estão na fila do auxílio emergencial e que não estão recebendo os míseros R$ 600,00 devido à incompetência do governo em resolver a questão da ajuda aos pobres enquanto salva os mais ricos.

Milhões de brasileiros que tiveram o benefício negado, ou estão ainda "em análise"; que tiveram o auxílio recusado, ou ainda, que há 2 semanas ou mais, tiveram o auxílio aceito porém ainda não receberam por pura incompetência da equipe.