9 de novembro de 2019 | _
O presidente Jair Bolsonaro se manifestou pela 1ª vez após a saída do ex-presidente da cadeia. “Não dê munição ao canalha, que momentaneamente está livre, mas carregado de culpa”. Também pediu prudência aos seus seguidores e disse que não podem cometer erros.

A declaração foi feita neste sábado (9) via Twitter.

Na ocasião, Bolsonaro não cita nominalmente o petista. Eis abaixo: