Macau: Como ser pinto e querer ser galo sem terreiro

23 de novembro de 2019 | _
Quem ouviu as declarações do vereador pintinho na última sessão da câmara, ficou meio que confuso, ou pintinho estava meio que confuso. 1º porque dias atrás o vereador pedia na tribuna da casa legislativa que os edis precisavam fazer alguma coisa, pois como estava não poderia “nunquinha” ficar. Pintinho se referia ao prefeito Tulio Lemos que para ele (ex-aliado) o gestor era um desastre e de repente -- dias depois o vereador atira para os lados, atinge a oposição da quem afirma ser membro, assim como, em radialistas da cidade.

Com isso o edil conseguiu a "olho nú" apenas ataques de populares.

Desse jeito o Pinto não vira galo, talvez nem a frango.