4,8 milhões de desempregados buscam trabalho há pelo menos 1 ano

20 de novembro de 2019 | _
Segundo os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Brasil encontra hoje 4,703 milhões de pessoas em situação de desalento no terceiro trimestre de 2019, 3 milhões apenas na região Nordeste.

A realidade dos trabalhadores no Brasil de Bolsonaro é a dura realidade do desemprego, de baixos salários, informalidade, maior carga de trabalho e serviços de baixa qualidade. Essas dificuldades fazem parte do dia a dia de dezenas de milhões de pessoas, principalmente as mulheres e os negros, fazendo com que o povo pague por uma crise que ele não criou.