Pela 4ª vez prefeito exonera todo quadro comissionado em Macau

16 de junho de 2019 | _
1, 2, 3, 4... vezes em 3 anos de mandato o prefeito Tulio Lemos exonera de uma canetada só todos os comissionados municipais.

E para que mesmo?

Para que eles continuem trabalhando ilegalmente sem que a prefeitura tenha a obrigação para com os servidores e assim, poder nomeá-los após meses a conta gotas, sem receberem rescisão e salários em atraso.

A administração encontra-se perdida desde os primeiros dias de gestão.

O prefeito não conseguiu se encontrar, e para isso não basta apenas exonerar. Tem que mudar o foco e substituir peças, buscar pessoas comprometidas com a cidade e não com os "umbigos".

Precisa acabar com a farra, antes mesmos que o MP tire dos olhos argueiro e resolva ele mesmo acabar com a quadrilha (em tempos de São João, o mesmo que festa junina).

Em todas as áreas do governo, impera um clima de medo, quase terror. A administração encontra-se travada, todos os órgãos públicos já travados pela escassez de material humano comprometido com a coisa publica e aplicação dos recursos nas áreas nas quais foram destinados.

A falta de liderança do governante é substituído pelo terror, causando medo, 1 método primário de administrar.

O fim de um governo em seu estado mais triste e decadente.

Lamentável.