Histórico no Congresso indica dificuldade para Previdência sair até outubro

13 de maio de 2019 | _
Apesar de o ministro Paulo Guedes (Economia) insistir que a proposta de reforma da Previdência será aprovada ainda no 1º semestre no Congresso Nacional, levantamentos aponta que o governo terá dificuldade em liquidar as mudanças no sistema de aposentadorias até outubro.

Foram analisadas as tramitações das 10 emendas constitucionais que passaram mais rapidamente pelo Congresso das 99 promulgadas até hoje.

A proposta que permitiu ao governo usar parte dos tributos federais para pagar despesas (68/2011), conhecida como DRU, foi a que levou menos tempo após ser aprovada pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara. No total, foram 92 dias até a promulgação da matéria.