Bolsonaro veta comercial de aplicativo do BB direcionados a jovens

25 de abril de 2019 | _
O presidente Jair Bolsonaro vetou 1 comercial do Banco do Brasil que exaltava jovens e minorias. Além disso, o responsável pela peça, Delano Valentim, perdeu o cargo de diretor de Comunicação e Marketing do BB.

As informações foram divulgadas por Lauro Jardim, do Globo.

Questionado pelo jornal digital sobre o motivo da peça ser vetada, o Palácio do Planalto disse que não irá se pronunciar sobre o assunto. Já o presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, disse ao Poder360 que a decisão foi em “consenso”.

“O presidente e eu concordamos que o filme deveria ser recolhido. Saída do diretor de Marketing em decisão de consenso –inclusive com aceitação do próprio”, disse.

O comercial, que divulga o aplicativo do banco e visa a atrair o público jovem, tem na maior parte das cenas atores e atrizes negros. É parte da política do BB de fazer um apelo a esse grupo demográfico.