Líder na Câmara Federal do governo Bolsonaro Hasselmann defende fechamento do STF

17 de março de 2019 | _
A líder na câmara do governo Bolsonaro, a deputada federal Joice Hasselmann (PSL) defende abertamente o fechamento do STF (Supremo Tribunal Federal), nem que para isso seja necessário um golpe militar. Em vídeo postado nas redes sociais, e em tom de ameaça, ela acusa o STF de provocar insegurança jurídica no país e diz que pedirá o artigo 142 nas ruas - o artigo estabelece o emprego das Forças Armadas diante de ameaça à soberania nacional. Ela chama o presidente do Supremo, Antonio Dias Toffoli de "advogado do PT", Gilmar Mendes de "traidor da pátria" e conclui: "o supremo tem que ser dissolvido".