Justiça erra ao prender e em seguida soltar Temer

25 de março de 2019 | _
Assim como, em todo lugar ou área profissional tem quem preste oi quem não presta, na justiça brasileira, a coisa pode até ser pior. Alguns juristas dizem que a prisão de Temer é arbitrária, já a promotora do processo, que resultou na prisão do ex-presidente, afirmou que Temer assalta os cofres públicos, enriquecendo com propina ha mais de 40 anos.

Se é verídica a informação, porque o Temer esteve solto até agora?

E se realmente é verdade, porque Temer foi solto hoje?

Neste caso, a Justiça erra 2 vezes. A 1ª pela prisão do ex-presidente a 2ª por ter soltado Temer depois das declarações da promotora.

Estranho viu...