Candidata a deputada afirma que ministro do Turismo a convidou a participar de esquema com fundo eleitoral

7 de março de 2019 | _
E o laranjal só aumentam os indícios de corrupção dentro do PSL, partido do presidente Bolsonaro. Uma das integrantes do PSL envolvidas na suspeita de candidaturas laranjas do partido, afirmou ter sido chamada pessoalmente pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, para atuar em 1 esquema de repasse de dinheiro nas últimas eleições.

As informações foram publicadas nesta quinta (7) pelo jornal Folha de S. Paulo.

Zuleide Oliveira foi candidata a deputada estadual pelo PSL de Minas Gerais em 2018 e chegou a fazer uma denúncia no TRE-MG (Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais) antes do 1º turno das eleições (19.set.2018). Ela afirmou que havia o compromisso em repassar ao partido parte do dinheiro que seria recebido pelo fundo eleitoral de campanha.