Cardeal admite que Igreja católica destruiu arquivos sobre abusos sexuais contra crianças

23 de fevereiro de 2019 | _
A Igreja católica destruiu arquivos sobre autores de abusos sexuais, reconheceu neste sábado (23) o influente cardeal alemão Reinhard Marx durante reunião histórica no Vaticano sobre a luta contra a pedofilia.

O Vaticano reuniu na quinta (21) em encontro que acontece até amanhã domingo (24).

Representantes das conferências episcopais, da Igreja Católica Romana, de 130 países para discutir as denúncias de abusos sexuais cometidos por religiosos contra crianças e adolescentes. No encontro, participam 114 presidentes de conferências episcopais de todo o mundo. Presentes integrantes de grupos de vítimas de abusos.

— Os arquivos que poderiam documentar estes atos terríveis e indicar o nome dos responsáveis foram destruídos ou inclusive não chegaram a ser criados — afirmou o presidente da Conferência Episcopal Alemã. — O abuso sexual de crianças e jovens se deve, em uma parte não insignificante, ao abuso de poder da administração — afirmou o cardeal alemão em seu discurso.

A Igreja católica alemã pediu desculpas oficialmente em setembro do ano passado após a publicação de um relatório que revelou agressões sexuais contra mais de 3,6 mil menores de idade, cometidas durante décadas por integrantes do clero.

Os convocados discutem sobre o acobertamento da pedofilia na Igreja católica. Marx lamentou que a instituição "em vez de punir os culpados", repreendeu e silenciou as vítimas

Conhecido por suas posições progressistas, Marx criticou o fato de o "segredo pontifício" ser apresentado com frequência como justificativa pela Igreja e, pior ainda, em casos como o dos abusos sexuais cometidos por padres. Ele pediu mais transparência sobre os julgamentos realizados pela Igreja e exigiu a divulgação do número de casos examinados pelos tribunais eclesiásticos, assim como detalhes sobre os mesmos.

O Papa Francisco pediu medidas concretas e entregou 21 pontos a serem estudados pelos 190 participantes, na maioria bispos.

- Informações de portais do Brasil