Ministros de Bolsonaro são orientados à revogar medidas de Temer dos últimos 60 dias

27 de dezembro de 2018 | _
A equipe de ministros do governo de Jair Bolsonaro (PSL) revisará e pode revogar medidas tomadas nos últimos 60 dias da gestão de Michel Temer (MDB). A orientação é de 1 documento entregue nesta 5ª feira (27) pela equipe de Bolsonaro aos ministros, uma espécie de “Agenda dos 100 dias” do novo governo. Leia a íntegra.

Segundo o texto, caberá a cada ministério elencar políticas prioritários logo nos 10 primeiros dias de governo, incluindo “a revisão de atos normativos legais ou infralegais publicados nos últimos 60 dias do mandato anterior, para avaliação de aderência aos compromissos da nova gestão“.

O futuro ministro da Casa Civil, Onyx Lonrenzoni, disse nesta hoje, (27) que o presidente eleito deve preparar 1 pacote de pelo menos 22 medidas para tentar implementar nos 100 primeiros dias de governo.