Adriano toma posse em meio a discurso de muito trabalho

18 de dezembro de 2018 | _
No final da tarde desta segunda (17), a Câmara Municipal de Guamaré deu posse ao prefeito e a vice-prefeita, eleitos no pleito suplementar de 09 de dezembro, Adriano Diógenes e Iracema Morais, ambos do MDB. A solenidade foi prestigiada pelo líder político do MDB local, Hélio Willamy e pelo deputado estadual Hermano Morais (MDB).

Seis dos nove vereadores compareceram a sessão solene de posse, presidida pelo vereador Carlos Câmara. O plenário da Câmara Municipal ficou pequeno para o grande público que lotava as dependências da sede do Poder Legislativo desde as primeiras horas da tarde na expectativa da chegada do prefeito e vice-prefeita.

No seu discurso de posse, Adriano voltou a afirmar que vai governar para todos. “O tempo agora é trabalho. Peço que desçam as bandeiras de cores partidárias e subam no mais alto mastro a bandeira da paz”, disse Adriano, convocando todo o povo guamareense para se unir em torno da bandeira das causas de Guamaré.

A parte final do discurso do novo prefeito de Guamaré foi reservada aos agradecimentos, principalmente ao engajamento da militância partidária, a coordenação de campanha e ao apoio dos vereadores e do líder político Hélio Willamy. Adriano também voltou a se comprometer a retomada dos serviços que estão paralisados, principalmente na saúde.

Na gestão de Adriano Diógenes na Secretaria Municipal de Saúde, o município de Guamaré foi avaliado pelo Tribunal de Contas do Estado e saiu em primeiro lugar no Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEGM). Além da saúde, o IEGM também refletiu o bom desempenho das políticas públicas em mais seis áreas (Educação, Planejamento, Gestão Fiscal, Meio Ambiente, Cidades protegidas, Governança em Tecnologia da Informação).

Empossados, prefeito e vice-prefeita, Adriano e Iracema Morais se dirigiram até ao Palácio Luiz Virgílio de Brito-sede do Poder Executivo, onde um grande número de apoiadores aguardava a comitiva política para o momento que marcou a transição na prefeitura de Guamaré, após um longo período de embates na esfera do Poder Judiciário.