STF desarquiva inquérito de Aécio e dá 60 dias para PGR concluir caso

20 de novembro de 2018 | _
A 2ª Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu nesta terça (2) desarquivar inquérito que apurava a suspeita de envolvimento do senador Aécio Neves (PSDB-MG) em esquema de corrupção passiva e lavagem de dinheiro em Furnas, estatal do setor energético.

A investigação foi aberta em 2016 e tinha sido arquivada em junho deste ano. O relator do caso, o ministro Gilmar Mendes, entendeu que o inquérito se alongou por tempo demais sem que fossem encontrados indícios concretos contra o senador.