Sem Lula, Haddad vai a 14%; Bolsonaro tem 20% mas rejeição chega a 62%

8 de setembro de 2018 | _
A exatamente um mês das eleições nova pequisa XP/Ipespe, realizada ente 3 e 5 de setembro, mostra o ex-prefeito Fernando Haddad (PT) com 14% das intenções de votos quando identificado como o candidato apoiado por Lula. 

Jair Bolsonaro (PSL) assume a dianteira com 20%, Ciro Gomes (PDT) vem em seguida com 10%, e Marina Silva (Rede) e Geraldo Alckmin (PSDB) empatam com 8%. A rejeição a Bolsonaro, medida pelo levantamento, chega a 62%, um recorde.

Realizada antes do ataque ao candidato do PSL e cinco dias após o início da propaganda eleitoral, a pesquisa ouviu 2.000 entrevistados e tem margem de erro de 2,2 pontos percentuais.