Do hospital Bolsonaro deve gravar videos curtos para as redes sociais

12 de setembro de 2018 | _
O candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, deve apostar em vídeos curtos e nas redes sociais para manter 1 lugar no 2º turno das eleições.

Alvo de uma facada na última 5ª feira (6.set.2018), o militar deverá ficar fora de atos de campanhas nas ruas, de debates e sabatinas.

Segundo seu candidato a vice, general Hamilton Mourão (PRTB), Bolsonaro deve gravar vídeos curtos dentro do hospital. Ainda há indefinição sobre os horários das transmissões, mas há a possibilidade de serem à noite, no mesmo horário da propaganda eleitoral.

Segundo o candidato a vice, as imagens serão para falar sobre ideias, não para expor as condições médicas de Bolsonaro. “Já deu o que tinha que dar. É uma exposição que julgo que cumpriu sua tarefa. Vamos acabar com a vitimização. Chega”, falou.

Bolsonaro também deve conceder uma entrevista a uma rádio nesta semana, com transmissão pelo Facebook.

Os vídeos serão uma forma de manter Bolsonaro dentro da campanha. O militar aparece em 1º nos cenários sem Lula, mas conta com pouco tempo de televisão e rádio