MPRJ identifica 37 imóveis que pertencem ao senador Flávio Bolsonaro

26 de maio de 2019 | _
O senador Flávio Bolsonaro ou se preferir, podemos chamá-lo de senador Flávio Imobiliária. Isso porque foi descoberto que o filho do presidente, possui um total de 14 apartamentos e 23 salas comerciais em bairros nobres do Rio de Janeiro como, Copacabana, Botafogo e Barra da Tijuca.

Os imóveis 2º o MP carioca, foram adqueridos quando o senador era deputado estadual no RJ uma das casas legislativas mais complicadas do país, com deputados e presidente presos. As aquisições ainda 2º o MP, ocorreram no período entre 2010 e 2017, o então deputado investiu R$ 9,425 milhões na compra de 19 imóveis.

Pesquisa FIERN/Consult: 60% dos potiguares desaprovam o governo Jair Bolsonaro

| _
A desaprovação do Governo do Presidente Jair Bolsonaro, nos primeiros cinco meses de gestão, entre os norte-rio-grandenses é de 60,58%. O índice é maior entre o público feminino (64%), jovem com idade até 24 anos (65,5%) e 25 a 34 anos (61,8%) e entre os com nível superior de escolaridade (66,8%). Os números são da Pesquisa FIERN/CONSULT Retratos Da Sociedade Potiguar 2019, divulgada neste domingo (26), feita sob encomenda da FIERN ao Instituto Consult Pesquisa, entre os dias 17 a 20 de maio, com 1.700 entrevistas, nas 12 regiões do estado. A sondagem tem margem de erro de 2,3%.

Na estratificação por região, a desaprovação é maior no Alto Oeste (72,2%), seguido por Mossoró e Central Cabugi (68,3%, ambas) e Sertão do Apodi (68%). Mesmo em Natal, onde obteve números expressivos na eleição (52,98% dos votos), 65% desaprovam o governo.

E 55,18% dos potiguares avaliam Governo do Presidente Jair Bolsonaro como Ruim (19,47%) ou Péssimo (35,71%).  Somente 15,23% consideram Ótimo (3,29%) ou Bom (11,94%). Os piores resultados foram registrados nas regiões do Alto Oeste Potiguar que, somados, registram 67,8% de ruim ou péssimo, seguidas pelas regiões Sertão do Apodi (59%) e Mato Grande e (58,9%).

A pesquisa aferiu ainda o grau de expectativa do potiguar em relação ao Governo Federal. Para 46,65% dos entrevistados o presidente fará um governo Ruim (24%) ou Péssimo (22,65%). Outros 23,82% esperam um governo Bom ou Ótimo. As piores expectativas estão na população do Alto Oeste Potiguar (58,2%), da Central Cabugi (56,7%) e Natal (54,8%).

Pesquisa FIERN/Consult: Aprovação do Governo Fátima Bezerra é de 55% e expectativas são altas

| _
Eleita com votação recorde, com mais de 1 milhão de votos, a governadora Fátima Bezerra segue com aprovação alta pela população do estado: 55,35% dos potiguares aprovam a sua gestão. O índice dos que desaprovam a gestão Fátima ficou em 23,18%. Os dados são da Pesquisa Retratos da Sociedade Potiguar 2019, encomendada pela FIERN ao Instituto Consult Pesquisa. O levantamento foi feito em 57 municípios, em 12 regiões do Rio Grande do Norte, durante o período de 17 a 20 de maio, com margem de erro de 2,3%.

O índice de aprovação é maior nas regiões Central Cabugi, com 71,7%; Alto Oeste, com 64,3%; e Sertão Apodi, com 62%. Além disso, a governadora é melhor avaliada pelo público feminino, com 56,8%, na faixa etária até 24 anos – 59,3%, e com nível superior completo – 63,6%.

Apesar de ter obtido apenas 39,24% dos votos válidos em Natal, a aprovação da governadora na capital agora é de 58,2%. Na Grande Natal, a aprovação chega a 49,5%. Enquanto isso, o pior desempenho da governadora concentra-se em Mossoró, com 42,5%, e no Trairi, com 30,7%.

31,47% dos entrevistados avaliam o governo como ótimo ou bom, enquanto 18,11% disseram ser ruim ou péssimo. Nas regiões Central Cabugi/Litoral Norte, Serão Apodi e Alto Oeste a classificação positiva do Governo do Estado ultrapassa os 40 pontos percentuais.

Também foi aferida a confiabilidade na governadora e ela está alta.49,06% dos entrevistados afirmaram confiar na atual gestão estadual, enquanto os que não confiam somam 31,24%. Apenas 19,71% disseram não saber responder.

A expectativa com relação ao futuro da gestão de Fátima Bezerra também está otimista. Para 45,53% dos entrevistados o governo atual será ótimo e bom; enquanto 11,59% responderam acreditar que será ruim e péssimo. Foi perguntado aos entrevistados se eles consideravam a atual gestão melhor, pior ou igual em relação às gestões anteriores. Para 48,94%, a atual gestão é considerada melhor do que as anteriores, enquanto apenas 8,65% acham pior e 33,65% acham ser igual.

Avaliação dos principais serviços do governo

Segurança e saúde pública, geração de empregos foram alguns dos pontos avaliados pela pesquisa FIERN/Consult. “Qual o sentimento com a segurança pública?”, “A saúde pública e a geração de irão melhorar ou piorar?” foram alguns dos questionamentos feitos.

Comparando com os últimos seis meses, para 30,59% a sensação é que a segurança pública melhorou; para 52,59% está igual; e para 13,18% está pior.

As expectativas para saúde pública estão positiva para 31,12%, enquanto que para 18,41% vai piorar e para 39,29% será igual.

Sobre como será a geração de emprego durante a gestão Fátima Bezerra, 29% acreditam que vai melhorar, 35,41% acham que permanecerá será igual e 12,82% não souberam dizer.

Para 59,12% dos potiguares, o trabalho desenvolvido pela atual gestão para solucionar o pagamento dos salários atrasados de 2017 e 2018 dos servidores estaduais é ótimo ou bom, enquanto 25,88% consideram o trabalho regular e 7,47% avaliam como ruim e péssimo.

Em pergunta aberta , quando o entrevistado cita respostas espontaneamente, sem catalogação ou indução, foi perguntado sobre os pontos positivos da gestão. Destacaram-se respostas sobre o pagamento dos salários em dia, sobre a existência de um calendário para os pagamentos e os esforços para quitação dos salários atrasados. Quando instados a apontar os pontos negativos, os entrevistados apontaram a falta de investimentos em segurança e a má qualidade da saúde pública.

Com R$ 40 MI arrecadados somente este ano prefeitura de Macau segue sem gestão

| _
Enquanto gestores de diversas cidades do Rio Grande do Norte, reclama devido a frustração de receita ocorrida nos últimos anos nos cofres de seus municípios, o prefeito de Macau não tem nada à reclamar. Pelo contrário. O prefeito tem mais é que comemorar o aumento de receita nos últimos anos. Os cofres do município devem está recheados de divisas ou o dinheiro está aplicado em poupança, poi investimentos no município não há.

A Prefeitura de Macau teve significativo aumento na arrecadação no ano passado, o que deveria em tese servir para garantir pelo menos o equilíbrio e o fechamento das contas em dias. Mas na prática não é o que acontece. O município segue com atraso na folha de servidores ativos, inativos e contratados, além de alguns prestadores de serviços.

Ano passado a receita do município cresceu 12% em relação o governo de Kerginaldo Pinto. Tulio  não pode reclamar! ele deve a população satisfação do que seu governo tem feito com o dinheiro publico, explicar para onde tem ido as divisas do município. Pois, todo mundo ver e todo mundo sabe que a prefeitura não tem realizado nada de novo.

Postos de saúde sem medicamento, sem médicos, falta insulina, farmácia básica, escolas sem merendas, falta auxiliares de cozinha e limpeza.

Mas uma coisa não tem faltado que é dinheiro nos cofres da "viúva", ainda estamos em maio e já foram arrecadados cerca de R$ 40 milhões de reais.

A população quer saber o que se tem feito com esse dinheiro?

Filme brasileiro “Bacurau”, gravado em Parelhas é premiado no Festival de Cannes

| _
O filme brasileiro “Bacurau”, que foi gravado em Parelhas,ganhou o Prêmio do Júri no Festival de Cannes neste sábado (25), em empate com o drama francês “Les Misérables”. É a primeira vez que o Brasil ganha na categoria, terceira mais importante da competição oficial do evento francês.

“Trabalhamos para a cultura no Brasil e o que precisamos é de seu apoio”, afirmou o diretor Kleber Mendonça Filho ao receber o prêmio, segundo a agência de notícias France Presse. Ele divide a direção do filme com Juliano Dornelles, que foi seu diretor de arte em “Aquarius” (2016).

Na premiação principal de Cannes, são distribuídos sete prêmios. O mais importante é a Palma de Ouro, ganhado neste ano pelo coreano “Parasite”. Além dele, há o Grand Prix, o Prêmio do Júri e as categorias de direção, roteiro, ator e atriz.

O Prêmio do Júri é entregue desde 1946. Em 2019, o júri do festival é presidido pelo diretor mexicano Alejandro González Iñárritu.

Em Macau prefeito continua desmoralizando MP

25 de maio de 2019 | _
Prefeito de Macau não cumpre acordo com servidores inativos municipais, celebrado entre a prefeitura e o Ministério Público (MP). O acordo refere-se ao parcelamento de vencimentos dos aposentados da prefeitura em atraso.

A gestão municipal tem desafiado o MP, que não viu até aqui nenhuma de suas recomendações cumpridas pelo prefeito e não foi nem uma nem duas. São várias recomendações e todas desobedecidas.

Em Macau, o MP parece servir apenas como mais 1 órgão que onera os cofres públicos do Estado. A sociedade espera mais que apenas um papel de notificação.

Talvez para uns e outros até tenha essas autoridades maior empenho em fazer cumprir suas determinações, mas para outros... ou será que estão dando corda a pipa?

PSB promove Congresso Municipal em Natal

| _
O PSB inicia as preparações para o seu Congresso Estadual no Rio Grande do Norte.

Acontece, no próximo dia 31 de maio das 10h às 12h, o Congresso Municipal do PSB em Natal, constituindo a primeira etapa da organização partidária. A reunião, se realizará na sede do partido, no Barro Vermelho, está sendo convocada pelo presidente municipal de Natal, Frederico Rosado, com a seguinte pauta: deliberar sobre questões de interesse partidário, eleger os membros do Diretório Municipal e Comissão Executiva e eleger os delegados e suplentes para a reunião estadual.

“É chegado o momento de nos organizarmos e nos articularmos internamente no PSB. Não somente por uma questão regimental, mas porque essas reuniões oxigenam o partido e porque precisamos nos preparar para as eleições municipais do ano que vem”, afirmou o presidente da Comissão Provisória Municipal do PSB.

Partido presidido no RN pelo deputado federal Rafael Motta, o PSB conta em Natal com o vereador Franklin Capistrano e tem pretensão de crescer em todo o Estado nas eleições municipais de 2020.

Incentivo na web para atos de domingo é 6 vezes maior do que em 15 de maio

| _
Bolsonaro durante protestos pelo impeachment da então presidente Dilma Rousseff  em 2015 e 2016
Dados do Sistema Analítico BITES mostram que os atos pró-Bolsonaro marcados para este domingo (26) têm incentivo na web 6 vezes maior do que os protestos contra cortes na educação, realizados em 15 de maio.

De acordo com o levantamento, até às 20h de 6ª feira, foram 1,2 milhão de posts para as manifestações de domingo, contra 206 mil para os atos da semana passada.

O número de posts, segundo o BITES, indica que “mesmo com algum arrefecimento da oposição ao Centrão, após a aprovação da MP 870, e as dúvidas sobre as pautas da manifestação, os atos do próximo domingo podem surpreender por sua consistência e capilaridade”.

No Recife, Bolsonaro anuncia aumento de R$ 4 bilhões no FNE

24 de maio de 2019 | _
Em evento com os governadores do Nordeste e o Conselho Deliberativo da Sudene, no Recife, o presidente Jair Bolsonaro anunciou o aumento de R$ 4 bilhões no Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste para 2019, R$ 3 bilhões destinados à infraestrutura e R$ 1 bilhão para o microcrédito rural.

No Recife, manifestantes pró-Bolsonaro e oposição se concentraram do lado de fora do Instituto Ricardo Brennand, na Várzea. O Gati e a Polícia Militar fizeram a segurança do local.

Em sua 1ª viagem oficial ao Nordeste, região onde registra os seus maiores índices de rejeição, o presidente não foi poupado de críticas dos governadores da região – o FNE.

Segundo a Folha de São Paulo, o presidente desembarcou em Recife nesta sexta (24), com um comitiva de 15 convidados para participar da reunião do Conselho Deliberativo de Desenvolvimento do Nordeste (Condel-Sudene). Para evitar manifestações de oposição que foram convocadas pelas redes sociais, a comitiva foi dividida em dois helicópteros que se deslocaram da base aérea do aeroporto de Recife até o Instituto Brennan, onde aconteceu o evento.

A governadora Fátima Bezerra estava presente ao evento e cobra plano de execução para obras da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

"Se não sair reforma, Guede tem que ir pra praia, o que vai fazer em Brasília?’, diz Bolsonaro

| _
O presidente Jair Bolsonaro disse nesta 6ª feira (24.mai.2019) que o ministro da Economia, Paulo Guedes, sai do governo se a reforma da Previdência for aprovada com muitas alterações em relação ao texto original do governo.

“Se for uma reforma de japonês, ele vai embora. Lá tudo é miniatura”, disse, na cidade de Petrolina (PE), onde entregou novas unidades do programa Minha Casa Minha Vida.

As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

“Se não tiver reforma, ele (Paulo Guedes) tem que ir para a praia. Não precisa mais de ministro da Economia. Vai fazer o que em Brasília?”, declarou o político do PSL.

‘Se Bolsonaro não quiser a Previdência, pego o avião e vou embora’, Paulo Guedes

| _
O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que renunciará ao cargo e deixará o país caso o projeto original da reforma da Previdência entregue pela equipe econômica do governo for muito modificado.

“Eu não sou irresponsável. Eu não sou inconsequente. Ah, não aprovou a reforma, vou embora no dia seguinte. Não existe isso. Agora, posso perfeitamente dizer assim, ‘Olha, já fiz o que tinha de ser feito, não estou com vontade de ficar, vou dar uns meses, justamente para não cair problemas, mas não dá para permanecer no cargo’ . Se só eu quero a reforma, vou embora para casa. Se eu sentir que o presidente não quer a reforma, a mídia está a fim só de bagunçar, a oposição quer tumultuar, explodir e correr o risco de ter 1 confronto sério… pego o avião e vou morar lá fora.”, disse.

As afirmações foram feitas em entrevista à revista Veja, publicada nesta sexta (24).

O ministro, chamado por Bolsonaro nos tempos de campanha de “Posto Ipiranga”,  avaliou o governo, em uma escala de 0 a 10, com a nota 7,5. Disse que se o governo tivesse conseguido fazer alianças entre centro e direita rapidamente e que se a imprensa tivesse feito “sua parte, explicando para todo mundo entender, poderia ser 10”.

A reforma da Previdência é a pauta prioritária do governo. O projeto enviado ao Congresso Nacional propõe que a reforma traria uma economia de até R$1,2 trilhão aos cofres públicos.

Alguns congressistas do governo já apelidaram o projeto modificado de “reforminha”. Isso porque ele pode ser mais flexível e excluir algumas propostas da equipe econômica como mudanças no BPC (Benefício de Prestação Continuada) e na aposentadoria rural.

Guedes disse que se os congressistas aprovarem 1 projeto que represente uma economia menor do que R$800 bilhões, seria apenas “1 remendo”.

Na entrevista, Guedes voltou a dizer que, caso o Brasil não aprove a reforma, pode quebrar em 2020.

“Se não fizermos a reforma, o Brasil pega fogo. A velha Previdência quebrou. Não vamos ter nem dinheiro para pagar aos funcionários. Vai ser o caos no setor público, tanto no governo federal como nos estados e municípios”, disse à revista.

Apesar de os deputados discutirem modificações nos texto, Guedes disse que o presidente Jair Bolsonaro está totalmente empenhado em aprovar a reforma nos moldes que foi enviado para os congressistas.

REELEIÇÃO
O ministro disse que Bolsonaro “não tem apego ao cargo em si” e por isso não pensa na reeleição. No entanto, não descarta a possibilidade. De acordo com Guedes, caso a situação do Brasil esteja próxima à da Venezuela, Bolsonaro estará “aqui para servir à população brasileira”

REDUÇÃO NOS PRIVILÉGIOS
O ministro voltou falar que a reforma se propõe a cortar privilégios. “Um dos grandes problemas da Previdência é que ela é uma fábrica de desigualdades, uma máquina perversa de transferência de renda. Tira-se de quem tem menos e passa-se para quem tem mais. Hoje, 83% dos aposentados brasileiros ganham menos de dois salários mínimos. A pessoa que trabalha no Legislativo ganha cerca de vinte vezes mais que a média do INSS. Isso é 1 absurdo“, afirmou à revista.

CRESCIMENTO
O ministro disse que devido aos fracos sinais de retomada econômica, o mercado tem reajustado para baixo as projeções do PIB (Produto Interno Bruto). Nesta semana, a previsão de crescimento para 2019 caiu pela 12ª semana consecutiva.

Para o ministro, a aprovação da medida impulsionaria o crescimento da economia ainda este ano. “É evidente que ela [reforma da Previdência] vai deflagrar ondas de investimento interno e de poupança externa”.

De acordo com Guedes, os recursos que foram contingenciados poderão ser liberados caso a reforma seja aprovada. Em abril, o Ministério da Educação fez 1 bloqueio nas verbas de  universidades e institutos federais. Em resposta, milhares de professores e alunos foram às ruas em inúmeras cidades do país.

MINISTÉRIO: GUEDES TEM “TOTAL COMPROMISSO” COM RETOMADA ECONÔMICA
Em nota divulgada no início da noite desta 6ª, o Ministério da Economia disse que Guedes tem “total compromisso […] com a retomada do crescimento econômico do país”. A pasta ainda faz um afago ao Congresso, afirmando que o ministro tem “absoluta confiança” no trabalho da instituição.

Eis a íntegra da nota:

“O Ministério da Economia reafirma o total compromisso do ministro Paulo Guedes com a retomada do crescimento econômico do país e rechaça qualquer hipótese de que possa se afastar desse propósito.

O Ministério da Economia reitera ainda sua absoluta confiança no trabalho do Congresso Nacional, instituição com a qual mantém excelente diálogo, para garantir a aprovação da Nova Previdência com economia superior a R$ 1 trilhão.”
Poder360

Beto Rosado e Bonavides votam para tirar Coaf de Moro

23 de maio de 2019 | _
O governo foi derrotado ontem em votação na Câmara que retirou o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) do Ministério da Justiça. O órgão passará para o Ministério da Economia.

Os deputados retirou das mãos de Moro o Coaf, com a colaboração de deputados federais do RN.

Beto Rosado (PP) e Natália Bonavides (PT) foram os 2 deputados potiguares que votaram para tirar o Coaf de Moro.

Qual a justificativa dos parlamentares?

Fafá tem direitos políticos suspensos por 3 anos

| _
A ex-prefeita de Mossoró, Fafá Rosado, foi condenada pela Justiça do Rio Grande do Norte a pagar multa civil correspondente a cinco vezes o valor da sua última remuneração no cargo público, além da suspensão dos direitos políticos por três anos.

No processo, as investigações da 7ª Promotoria de Justiça de Mossoró demonstraram que, reiteradamente, mesmo após recomendação do Ministério Público do Rio Grande do Norte, Fafá Rosado vinculava o seu nome, sua imagem e o slogan de sua gestão à publicidade do Município quando realizava divulgação de obras, programas e serviços. Essa conduta fere o princípio da impessoalidade, pois desacata orientação constitucional segundo a qual tal divulgação deve ter caráter exclusivamente educativo, informativo e de orientação social.

Nos autos da ação, foram juntadas várias reportagens publicadas na imprensa, entre as quais um encarte de um jornal de Mossoró, com foto estampada da ex-gestora na divulgação de obras e serviços.

Apesar da condenação, o MPRN ofereceu apelação. Segundo o promotor de Justiça Fábio de Weimar Thé, o Juízo reconheceu a prática de dano ao erário mas não aplicou, a sanção respectiva de ressarcimento dos prejuízos causados aos cofres públicos.

A decisão ocorreu em decorrência de ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), pelo Juízo da 2ª vara da Fazenda Pública de Mossoró.

Governo consegue reforma ministerial; Ministro Sergio Moro perde Coaf

| _
A Câmara aprovou nesta quarta (22) a medida provisória da reforma ministerial do governo Jair Bolsonaro e manteve a atual estrutura com 22 Ministérios. Mas o governo foi derrotado e não conseguiu manter o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) no Ministério da Justiça, com Sergio Moro. O órgão passará para o Ministério da Economia.

A votação do texto base aconteceu de maneira simbólica, ou seja, sem o registro dos votos dos deputados. A votação mais importante da noite foi a que o Coaf para a Economia: o Planalto perdeu por 228 a 210. A mudança foi feita com o aval do Centrão na comissão especial que analisou a MP.

Os partidos do Centrão ficaram divididos na votação na noite de ontem. Parte das siglas deu larga vantagem dos votos contra o governo, como o Solidariedade (78,6%) e o PP (69,2%), mas na outra ponta o PSD entregou maioria (83,3%) a favor do pedido de Sergio Moro.

Entre os partidos que compõem o Centrão, o PRB e MDB também foram contra o governo. O PTB entregou 4 votos para cada lado.

A decisão ainda depende do aval do Senado.


Partidos de oposição buscam unir amplas forças contra Bolsonaro

22 de maio de 2019 | _
Reunidos em Brasília, nesta quarta (22), dirigentes do PCdoB, PDT, PT, PSB e PSOL debateram sobre a necessidade de unir amplas forças e aprovaram uma agenda unitária a ser discutida com entidades e organizações da sociedade, movimentos sociais e centrais sindicais tendo como centro a defesa da democracia.

Os presidentes dos cinco partidos decidiram também solicitar um encontro com os ministros do Supremo Tribunal Federal para debater a crise institucional por que passa o país e a defesa do estado democrático de direito.

A agenda de contatos definida inclui CNBB, OAB, ABI, Andifes, SBPC, Clube de Engenharia, MST, MTST, UNE e todas as centrais sindicais, entre outras entidades e organizações.

Participaram da reunião de hoje os presidentes do PSB, Carlos Siqueira, do PT, Gleisi Hoffmann, do PDT, Carlos Lupi, do PSOL, Juliano Medeiros, e o vice-presidente do PCdoB, Walter Sorrentino, além de líderes dos partidos na Câmara e Senado.

Senado aprova MP que proíbe cobrança de bagagens em aéreas e permite até 100% de capital estrangeiro

| _
O Senado aprovou nesta quarta (22) a Medida Provisória 863, que permite até 100% de capital estrangeiro nas empresas aéreas –a limitação anterior era de até 20%. O texto também proíbe a cobrança por bagagem.

A matéria foi aprovada na última 3ª feira pelos deputados. Caso não passasse pelo crivo do Senado até essa 4º, perderia a validade.

O texto modifica o Código Brasileiro de Aeronáutica, de 1986, para permitir que estrangeiros possam deter até 100% do capital de aéreas brasileiras. Pela regra anterior, o limite era 20%.

Durante a tramitação da medida, a comissão especial composta por deputados e senadores fez alterações no texto, entre elas a inclusão da gratuidade do despacho de bagagens.

Com a aprovação do Congresso, as companhias aéreas terão de oferecer uma franquia mínima de bagagem por passageiro em voos domésticos:

até 23 kg nas aeronaves acima de 31 assentos;
até 18 kg para as aeronaves de 21 a 20 lugares;
10 kg se o avião tiver apenas 20 assentos.

Pelo Twitter, o presidente Jair Bolsonaro celebrou a aprovação da MP. “Ganha a nossa economia e nossa população com os efeitos da competitividade e do livre mercado: melhores serviços e menores preços”, escreveu.

Bandeira Branca: a paz pode está perto entre Bolsonaro e Globo

| _
Bolsonaro está prestes a se render ao grande mídia televisiva dos Marinhos. Pode está chegando ao fim o perrengue entre o presidente e a emissora - Rede Globo, que desde a eleição entraram em combate. Ontem, o presidente recebeu no gabinete da presidência, Paulo Tonet vice-presidente de relações institucionais da Globo..

Este encontro pode ter sido o início de um longo e bom relacionamento com a tão detestável emissora de TV.

Bolsonaro sempre disparou críticas pesadas contra os veículos da companhia, especialmente a TV Globo e o jornal O Globo. Afirma ser perseguido.

Durante a campanha eleitoral, prometeu reduzir a verba de publicidade oficial do governo ao grupo carioca. Após assumir o cargo, priorizou atendimento ao jornalismo da RecordTV e do SBT.

O cenário mudou. A queda de seu índice de aprovação e a dificuldade de fazer propaganda da reforma da Previdência podem tê-lo convencido a reconsiderar a guerra particular contra o império Globo.

Os telejornais da emissora registram audiência relevante nos quatro cantos do Brasil.

O principal deles, o Jornal Nacional, chega a registrar mais de 30 pontos, algo em torno de 6 milhões de telespectadores somente na Grande São Paulo.

Contar com ampla divulgação das pautas do governo na tela da Globo é bom negócio a político de qualquer ideologia.

Macau: em vista a proximidade das eleições 2020 nomes vão surgindo no tabuleiro político

| _
Aos poucos vão se definindo nomes para concorrer ao pleito nas Terras das Salinas, onde eleições acontecem em 4 e 4 anos, mas a política não. Ela não dorme. Em Macau, é presente dia e noite (café da manhã, almoço, lanche e janta) do macauense.

Eis, que surge mais um nome para disputa eleitoral de 2020. Pelo menos é o que chega à redação do blog.

Segundo uma fonte, o nome do médico e líder político do município, Dr. Eduardo Lemos, pode sim, ser nome certo entre os postulantes ao Palácio João Melo. A fonte revela que seu filho, Augusto Dourado, formado em administração, mora hoje em São Paulo onde faz pós graduação na área administrativa, se especializando para ficar afrente das empresas do pai, que a partir daí se dedicará com assiduidade as questões políticas de Macau. 

Ainda 2º nossa fonte, embora em plena atividade na medicina, cumprindo sua fasta agenda diária em sua renomada clinica na Capital do Estado, onde pratica a boa medicina há mais de 40 anos, Eduardo teria se aposentado e trabalha para no momento certo se afastar e passar seus pacientes de 4 décadas para mãos tão boas quanto.

Há quem afirme que o nome do médico sofre com rejeições devido a péssima gestão do atual prefeito, Tiulio Lemos, mas pelo outro lado, também há quem acredite que seu nome esteja acima disto, já que em nenhum momento o médico interferiu (participou) do governo, se isentando assim, da má administração do primo.

Bolsonaro não irá apoiar mais manifestação espontânea da população no domingo, 26

| _
O presidente Jair Bolsonaro emitiu sinais ambíguos a respeito dos atos de seus apoiadores programados para várias cidades do país no próximo domingo (26).

Nesta terça (21), o porta-voz do Palácio do Planalto, general Otávio Rêgo Barros, disse que o presidente e seus 22 ministros não vão participar das manifestações. Alguns dos organizadores sugerem, além de apoio a Bolsonaro, medidas drásticas como fechar o Congresso e o STF.

No início da noite, às 21h41, Bolsonaro foi às redes sociais e deu uma declaração 1 pouco diferente da divulgada pelo seu porta-voz. O presidente escreveu em seu perfil no microblog Twitter o seguinte:

Deputado Nelter Queiroz questiona valores cobrados aos veículos apreendidos pela PRF

21 de maio de 2019 | _
Em pronunciamento durante a sessão plenária desta terça (21), na Assembleia Legislativa, o deputado Nelter Queiroz (MDB) questionou os valores das diárias cobradas aos veículos apreendidos pela Polícia Rodoviária Federal no Rio Grande do Norte (PRF). O parlamentar explicou que os preços praticados são fixados por uma empresa que mantém contrato com a PRF para a guarda dos automóveis.

“Só para ser ter uma ideia, a diária de uma moto, quando apreendida, é de R$ 23, fora o preço do guincho. Vamos à Brasília para, através da Bancada Federal do RN, solicitarmos uma audiência com o ministro da Justiça, Sérgio Moro, no intuito de revermos a situação desse contrato abusivo em vigor”, disse Nelter.

O parlamentar destacou a existência de uma legislação federal que proíbe a apreensão de veículos com a documentação em atraso. “A multa pode ser aplicada, porém a lei veda a apreensão do bem”, alertou Nelter.

A falha constatada na estrutura da barragem Passagem das Traíras, localizada entre São José e Jardim do Seridó, também pautou o pronunciamento do deputado. Nelter informou que fez contato com o secretário de Recursos Hídricos e Meio Ambiente do Estado, João Maria Cavalcanti, solicitando que o esvaziamento da barragem, anunciado pela secretaria, seja feito apenas quando os recursos para a recuperação da estrutura estiverem disponíveis para o Executivo Estadual.

Ford anuncia demissão de 7 mil empregados; cortes ocorrem até agosto

| _
A montadora norte-americana Ford anunciou nesta segunda (20) que irá reduzir em 10% sua força de trabalho assalariada mundial até o mês de agosto, sinalizando o corte total de 7 mil postos de trabalho.

De acordo com a montadora, a redução no número de empregados faz parte de 1 plano de reestruturação da companhia, que visa economizar US$ 600 milhões por ano com a medida.

Atualmente, a Ford é a 2ª maior montadora dos Estados Unidos. Em comunicado a empregados da empresa, o presidente-executivo, Jim Hackett, afirmou que os cortes incluirão saídas voluntárias, além de demissões.

A expectativa é de que, no parque industrial da América do Norte, que engloba EUA, México e Canadá, os cortes sejam realizados até 24 de maio.

Homem vai a óbito em decorrência do vírus do calazar em Pau dos Ferros

20 de maio de 2019 | _
Dados recentes e consolidados do Ministério da saúde, confirmam que 15 pessoas morreram com complicações do vírus no Estado do RN em 2016 com leishmaniose visceral. A leishmaniose é uma doença transmitida pelo mosquito fêmea infectado. No Brasil, a principal espécie é conhecido vulgarmente pelo nome de mosquito palha, que ao picar o cão infectado transmite a doença.

A secretaria de saúde de Pau dos Ferros, na região Oeste do Elefante, confirmou no último sábado (18) que 1 homem de 39 anos teria ido a óbito em decorrência das complicações do vírus da Leishmaniose Visceral conhecida como Calazar. O homem teve falência múltipla de órgãos e infecção generalizada.

Nem na ditadura houve tantos ataques à ciência

| _
Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, Danilo Santos de Miranda, diretor-geral do Sesc São Paulo, diz que no governo Bolsonaro há uma grave incompreensão do papel da cultura para o desenvolvimento do país. Dos 76 anos de vida completados em abril, ele passou 51 trabalhando no Sesc São Paulo, 35 deles como diretor-geral, informa a apresentação da entrevista.

Ao longo desse meio século, conta que diferentes governos já quiseram interferir na administração do Sistema S, que envolve ainda instituições como Senai, Senac e Sebrae. Na gestão de Jair Bolsonaro (PSL), no entanto, afirma que esse discurso é “mais agressivo” e que nunca viu algo parecido, nem durante a ditadura militar.

PCdoB já tem nome para disputar a prefeitura de Parnamirim

| _
O tabelião Airene Paiva (PCdoB) está escolhido para ir à disputa da Prefeitura de Parnamirim, na Grande Natal, nas eleições do próximo ano.

Nesse último final de semana, representação da Comissão Executiva do PCdoB do RN comandada pelo vice-governador Antenor Roberto esteve reunida na cidade para tratar das eleições 2020.

A conclusão das conversas convergiu para o nome de Paiva como pré-candidato, mesmo sem preliminarmente existir qualquer discussão ampliada sobre alianças.

Airene Paiva é natural de Rafael Godeiro na região Oeste do RN.

O ex-vereador (três mandatos) e coronel da reserva da Polícia Militar do RN Rosano Taveira da Cunha, do PRB, é o atual prefeito de Parnamirim. Nascido em Natal, obteve 34.363 votos (44,76%).

O então deputado estadual Carlos Augusto Maia (PSD, hoje no PCdoB), empalmou 25.366 votos (33,04%). Foi apoiado por Paiva, sem mentor político.

do Xerife

Projeto do executivo de SGA volta ao jogo segunda, 20 com clima tenso entre edis e poderes

19 de maio de 2019 | _

Em São Gonçalo do Amarante o clima continua tenso entre a câmara e o executivo. Na sessão ordinária da última quinta (16), o voto monocrático do presidente da Casa, que vetou e levou ao arquivamento o projeto do executivo que reduz vencimentos do (prefeito, vice e secretários) foi vencido por maioria através do recurso do vereador Clóvis Júnior, que culminou a derrubada da decisão de Valban.

Com isso, volta a tomar folego o executivo com o retorno de tramitação do projeto no plenário da câmara amanhã, 20 de maio.

Mesmo com a vitória da última quinta, não será fácil para o prefeito Paulinho ter 1 final feliz dessa novela. Até lá, precisa se articular com habilidade ou eleger um interlocutor com livre acesso ao presidente, e que tenha justificativas convincentes junto aos colegas pra driblar esse momento difícil entre os poderes.

Uma fonte fidedigna e com acesso direto as entranhas dos poderes, nos garante que não será nada fácil para o executivo essa batalha que entra no seu 2ª round.  Os edis estão 2º nossa fonte com ânimos esquentados e por trás de tudo ainda há uma série de interesses extras.

Enem recebeu mais de 6 milhões de inscrições para exame de 2019

| _
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) registrou 6.384.957 inscritos para a edição de 2019. As inscrições terminaram nessa sexta-feira (17).

Os estudantes têm até o dia 23 de maio para pagar a taxa, no valor de R$ 85. O total de participantes confirmados será divulgado no dia 28 deste mês.

Quem teve direito à isenção do pagamento da taxa e concluiu a inscrição no prazo tem participação garantida. As provas do Enem 2019 serão aplicadas em dois domingos, 3 e 10 de novembro, com quatro provas objetivas e 180 questões, além da redação.

O Enem é realizado anualmente Inep, vinculado ao Ministério da Educação. Em 21 edições, o exame recebeu quase 100 milhões de inscrições.

O exame avalia o desempenho do estudante e viabiliza o acesso à educação superior, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Programa Universidade para Todos (ProUni) e instituições portuguesas.

Governo Bolsonaro trabalha cortes para educação e para banqueiros, lucro

18 de maio de 2019 | _
Nessa sexta (17) Jair Bolsonaro publicou em seu Twitter uma sequência de postagens afirmando que existem apenas dois caminhos para evitar os cortes: “Ou imprime dinheiro e gera inflação, ou comete-se crime de responsabilidade fiscal”.

Em outro twitter, Bolsonaro tenta justificar os cortes de seu governo jogando a culpa para os governos anteriores, de Lula e Dilma, ambos do PT. “Temos trabalhado de modo a conter essas ações, necessárias pela herança dos rombos causados pelo desgoverno do PT, e manter, na medida do possível, a destinação dos recursos para áreas essenciais, mesmo com pouco dinheiro, mas existe uma realidade e não podemos extrapolá-la”, escreveu.

DOM de Natal sai com publicação de decreto que aumenta passagem para R$4,00

17 de maio de 2019 | _
O que acontece com a câmara de vereadores de Natal quando o assunto é onerar o bolso dos contribuintes e encher os bolsos do empresários. Ninguém tem coragem de perguntar, pois nós perguntamos: quanto recebeu das empresas de ônibus cada 1 dos vereadores a favor do aumento das passagens de coletivos do transporte publico local? este inclusive de péssimo serviço à população. E que conta foi essa que a secretária Elequicina fez que quem paga com dinheiro (A VISTA) paga mais caro de que quem paga com cartão.

O Diário Oficial do Município desta sexta (17), traz o decreto que reajusta os valores das tarifas que conforme o decreto assinado pelo prefeito Alvaro Dias entra em vigor a partir deste domingo (19).

O decreto justifica que o aumento se deu para “manter o equilíbrio econômico-financeiro do Sistema de Transporte Público de Passageiros do Município do Natal”.

Natal é terra que acontece de tudo 1 pouco. Parabéns aos senhores e senhoras que gerem a coisa publica.

Nenhum me representa certamente.