Bolsonaro tem interrogatório adiado no STF

4 de abril de 2018 | _
Defesa do deputado federal e pré-candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL-RJ) ao ministro Luiz Fux adiamento de interrogatório do deputado nos casos (2 ações) que envolve a deputado Maria do Rosário (PT-RS).

O Supremo Tribunal Federal (STF) julgaria hoje, quarta (4), dia em que a Corte analisará também HC do ex-presidente Lula.

Bolsonaro tem que prestar depoimento na ação penal por incitação ao crime movida contra ele pela Procuradoria-Geral da República.

O ministro Luiz Fux adiou o interrogatório.