Após ser ovacionado em aeroporto em Santa Catariana Bolsonaro diz em evento evangélico que é contra ideologia de gênero

30 de abril de 2018 | _

Ao lado da esposa Michele, em culto evangélico, o pré-candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSl) se manifestou neste domingo (29) contra a ideologia de gênero em evento evangélico. O ex-capitão do exército participou do Congresso dos Gideões 2018, em Balneário Camboriú, Santa Catarina.

Bolsonaro afirmou que não se pode colocar “na cabeça” de uma criança que, depois dos 13, 14 anos de idade, ela vai poder “decidir se vai ser homem ou se vai ser mulher”.

O pré-candidato disse ainda que o Estado é laico, “mas a grande maioria da população é judaico cristão”.

Ao falar sobre sua vida religiosa, o militar disse ser de origem católica. Em seguida afirmou ter frequentado por muitos anos a Igreja Batista, no Rio de Janeiro. Mencionou que hoje não frequenta tanto a igreja quanto sua esposa, Michelle Bolsonaro, que é evangélica.

“Fico muitas vezes ausente em casa para buscar o local que entendo ser a missão de Deus”, disse ao se referir ao seu trabalho como deputado federal.

Ao fim do discurso, pastores presentes no evento puxaram uma oração em prol de Bolsonaro.

Ao chegar no Aeroporto de Navegantes, em Santa Catarina, município a 16 km de Balneário Camboriú, o pré-candidato foi ovacionado por milhares de pessoas que o aguardavam. Ele compartilhou a cena em suas redes sociais.