STF continua se metendo onde não deve e agora fixa cota minima do fundo partidário destinada a mulheres

16 de março de 2018 | _
Supremo Tribunal Federal - STF decidiu que pelo menos 30% dos R$ 888,7 milhões do orçamento do Fundo Partidário devem ser destinados a candidaturas de mulheres.

A decisão do STF derruba trecho da reforma eleitoral que previa cota máxima de 15% a candidatas.