Secretário é exonerado sem direito sequer a uma ligação do prefeito

14 de março de 2018 | _
Chega ao blog que Irmão Wagner, ex-secretário de educação do governo Tulio Lemos, não teria pedido exoneração.

A informação é falsa.

Wagner, 2º uma fonte com acesso ao Palácio João Melo, teria sim, sido demitido.

Demitido pelo secretário de gabinete, Bosco Afonso. Ainda 2º a fonte, o prefeito sequer ligou pra o auxiliar.

Perai! mas, Wagner foi exonerado, então é ex-auxiliar.

Não!

Na verdade, era pra ser, se não tivesse aceito o convite de Bosco.

Aceitou ser Assessor Especial.

Assessor Especial é o que mesmo hein?