Lindbergh pediu mudança de postura de apoiadores do ex-presidente Lula

18 de janeiro de 2018 | _
O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) saiu em defesa da companheira de partido e de senado Gleisi Hoffmann (PT-PR), e elevou o tom de enfrentamento a uma eventual prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. 

Em vídeo publicado na noite desta quarta (17), Lindbergh concordou com a postura da presidente nacional do PT que declarou, que essa prisão só ocorreria após “matar gente”.

Lindbergh afirmou que é necessário que a esquerda política brasileira passe por uma reconfiguração, deixando-a “mais preparada para o enfrentamento e para as lutas de rua”.