Prefeitura e Câmara de Macau viram ano no "litigioso"

16 de dezembro de 2017 | _
Se no pronunciamento do presidente da câmara de Macau, vereador Pintinho para muitos não deixou claro seu rompimento com o Palácio João Melo, não foi esse o entendimento do prefeito Tulio Lemos. O prefeito não suporta retaliações seja de quem for. Tulio não perdeu tempo e logo usou de seu poder de convencimento para atrair aliados para por em dúvida a idoneidade do vereador Pintinho quanto as finanças da Câmara Municipal de Macau.

Se Pintinho atirou pensando em emplacar seus pleitos como outrora, dessa vez o prefeito não cedeu e contra-atacou fortemente.

Há comentários nas redes sociais que isso custou caro, muito caro. Pois ao mesmo tempo que atrasa salários a gestão atual usa divisas para convencer editores de "blogs" pregar o terror contra todos.

Em sua time line o vereador Pintinho, a vitima desta vez, provou do veneno de quando se descorda de quem não conhece democracia. Mas, de bobo, Pintinho não tem nem pena, nem dó.

Agora vamos aguardar... pois certamente agora o império contra-ataca.