Poderes requerem na justiça cumprimento de obrigação do Estado com pagamento de duodécimo

9 de novembro de 2017 | _
Parece uma prática corriqueira dos governos do PSD não cumprir com os repasses do duodécimo aos poderes.

Em Macau por duas vezes o governo municipal dirigido pelo prefeito do PSD, não repassou o duodécimo da câmara. Mas para quem pensa que o prefeito estava sozinho nessa se enganou. Tulio Lemos simplesmente copiava o gesto do governador e correligionário Robinson Faria, presidente do PSD no RN.

O governador não faz o repasse aos poderes do judiciário, de contas, MP e legislativo há 3 meses. Com a falta dos repasses e para não ocorrer atraso de salários de seus servidores, os órgãos do TJ, e TCE, MP e ALRN , entraram com mandados de segurança para o Estado repassar duodécimo em atraso e cumprir com o pagamento no dia 20 de cada mês, como em Lei.

O partido do Kassab que quer por que quer, vender as teles é doido e sem noção.