Senado deve votar nesta terça lei que limita Uber e Cabify no Brasil

31 de outubro de 2017 | _
O projeto tramita em regime de urgência. Os taxistas alegam concorrência desleal, enquanto os aplicativos falam em proibição 

O plenário do Senado deve votar nesta terça-feira 31 o projeto de lei que regulamenta os aplicativos de transporte individual, como Uber e Cabify.

De um lado, os defensores do projeto argumentam que trata-se de concorrência desleal com os taxistas. Do outro, as empresas alegam que a regulamentação, na prática, proíbe o funcionamento dos aplicativos no Brasil.

Na semana passada os senadores aprovaram a tramitação em regime de urgência para a matéria e, por isso, o projeto é o primeiro item da pauta. Se for aprovado como está, o texto pode ir à sanção presidencial. Caso haja mudanças, o projeto terá de voltar à Câmara dos Deputados, onde foi aprovado em abril.