Presidente Michel Temer reúne aliados antes de votação da 2ª denúncia

24 de outubro de 2017 | _

O presidente Michel Temer recebeu aliados na noite desta segunda (23) para 1 jantar no Palácio da Alvorada. Quer acertar os últimos detalhes antes da votação decisiva de quarta (25), quando a Câmara avalia a admissibilidade da 2ª denúncia apresentada pela PGR.

Estavam presentes, entre outros, os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Antonio Imbassahy (Segov), além dos deputados:

Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), líder do governo na Câmara;
André Moura (PSC-SE), líder do governo no Congresso;
Arthur Lira (PP-AL); líder do PP;
Baleia Rossi (PMDB-SP), líder do PMDB;
Darcísio Perondi (PMDB-RS); e
Lelo Coimbra (PMDB-ES), líder da maioria.

O governo faz as contas. Espera derrubar a denúncia com uma margem segura de votos. Na 1ª votação, foram 263 votos favoráveis a Temer. A ordem agora é dizer que a expectativa ficará na faixa de 260 a 270. Ficou acertado que nenhum dos principais assessores do presidente divulgará o número preciso de votos que o Planalto pretende obter.

Embora a expectativa seja positiva para o governo, há receio entre governistas quanto ao fatiamento da nova denúncia em plenário. Os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria de Governo) também são alvo da peça, acusados de formação de organização criminosa.