Janot denuncia Agripino por propina de R$ 2 milhões

14 de setembro de 2017 | _
O senador Agripino Maia (DEM-RN), que vestiu camisa amarela nos protestos contra a corrupção que levaram ao golpe de 2016, foi denunciado ontem pela procuradoria-geral da República por corrupção passiva.

O motivo: as propinas de R$ 2 milhões que ele teria recebido das empreiteiras envolvidas na construção da Arena das Dunas, em Natal (RN).

Agripino é também acusado de lavagem de dinheiro pela Polícia Federal, mas nega participação no esquema.