Rodrigo Janot pede extinção da punibilidade para os senadores José Agripino e Garibaldi Filho acusados por relatores da Odebrecht

3 de agosto de 2017 | _
Em manifestação encaminhada ao Supremo Tribunal Federal (STF), o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao ministro Edson Fachin que seja declarada a extinção da punibilidade em relação ao senadores potiguares José Agripino (DEM) e Garibaldi Alves Filho (PMDB), acusados de receber recursos não contabilizados para campanhas eleitorais.

Janot apontou a ocorrência da prescrição nos casos dos parlamentares acusados de irregularidades por delatores da Odebrecht.

Janot ainda destacou que o prazo prescricional dos parlamentares é reduzido pela metade pelo fato de eles terem mais de 70 anos de idade

O pedido encaminhado por Janot aos STF, também beneficia a senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), e aos deputados federais Roberto Freire (PPS-SP) e Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE),