Em 10 anos ensino superior tem menor expansão e particulares perdem alunos

31 de agosto de 2017 | _
De 2015 para 2016, o número de alunos matriculados em instituições de ensino superior teve a menor alta em 10 anos. A variação no período foi de 0,23%. O mau desempenho foi puxado pela rede privada: 0,2% negativo.

A rede pública teve expansão de 1,9%. O peso dessas instituições no número total de alunos, porém, é relativamente pequeno. Do total de 8.052.256 estudantes matriculados em 2016, 75,3% estavam em instituições privadas.

É o 2º resultado ruim seguido. De 2014 para 2015, a expansão havia sido de 2,47%. Tratava-se do menor aumento de matriculados desde 2008-2009, quando a variação havia sido de 2,43% positivos. De 2006 para cá, a média de expansão anual foi de 5%.

Os dados são do Censo da Educação Superior, divulgado pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) nesta 5ª feira (31.ago.2017). Leia a íntegra das notas estatísticas.