Um filme sem mocinhos

5 de julho de 2017 | _
Se foi certo ou não a decisão do retorno do senador Aécio Neves (PSDB), não nos cabe julgar, e sim, a justiça e assim o já fez.

Se perguntar a um coxinha, mesmo hoje diante das circunstancias, diga que o tribunal acertou em devolver ao senador seu mandato. Já se você perguntar ou se ao mesmo for um mortadela, diga que a atitude do STF foi imoral.

Assim... não há uma resposta à pergunta.

O que poderá haver é que depois do fato, o STF possa de alguma forma compensar o outro lado, para reequilibrar o jogo, ou retificar sua postura e tentar seguir a lei, mas com isso reforçando sua própria parcialidade?

O certo é que no fim das contas...  a impressão que ficou é que a "justiça" se transformou numa lambança e isso no momento é a única coisa que bate com a resposta.