Por falta de provas Vacari tem liberdade

28 de junho de 2017 | _
O juiz Sérgio Moro prendeu preventivamente o Tesoureiro Vaccari em Abril de 2015. Depois o condenou a 15 anos e 4 meses de prisão.

Apos 2 anos e 2 meses preso, o Tribunal considerou que a condenação se deu sem nenhuma prova, baseada única e exclusivamente nas delações.

Vaccari absorvido.

Todos sabem ou deveriam saber que delação não pode ser usada como prova, serve para iniciar a investigação.

O delator, em regra, mente, omite, protege e, o pior, se o delator for pego mentindo, terá direito ao recall, que é a oportunidade de “consertar” o que mentiu, o que omitiu, sem perder os benefícios.

O recall é o maior incentivo à corrupção da História.