Marcha para Jesus foge da polarização entre esquerda e direita

21 de junho de 2017 | _
Pesquisa mostra distância dos evangélicos da disputa ideológica e apoio a pautas sobre direitos da mulher e respeito aos LGBTs na escola

Ao menos dois milhões de evangélicos participaram, em São Paulo, da Marcha para Jesus na última quinta-feira 17. Celebrada em meio ao feriado religioso de Corpus Christi e convocada pela Igreja Renascer em Cristo, o evento foi alvo de uma pesquisa inédita sobre as opiniões e o perfil dos participantes feita por pesquisadores da USP e da Unifesp.

Ao todo, foram realizadas 484 entrevistas com participantes maiores de 16 anos durante toda a extensão da marcha, com margem de erro de 5%. Ainda que, de forma geral, o público da Marcha para Jesus expresse valores conservadores sobre temas como a maioridade penal, por exemplo, as respostas não foram muito diferentes das encontradas na população brasileira em geral.